Buscar
  • Sonia Cortez

Tudo começou com o Amor!

Quem sou eu? 

Que estou aqui a fazer?

Qual o significado da vida?

Porque erramos, porque sofremos...?

Porquê...Porquê...Porquê...


Dou por mim a pensar, que desde que me sinto como parte integrante deste mundo, as minhas dúvidas, as minhas questões continuam cá!


Sempre me senti deslocada, sempre vi as coisas de maneira tão diferente dos que me rodeavam. Para mim a vida tem de ter um significado, um sentido, um propósito! Em criança achava que apenas o amor chegava, era o suficiente para viver, era o propósito da minha vida... 

Ao longo dos tempos, a vida foi-me ensinando que sim, o amor é o propósito de tudo isto, mas para alcançá-lo é necessário percorrer um caminho. O caminho da consciência! Aquela consciência que eu não tinha...por ingenuidade, por imaturidade, porque para mim não existia maldade, apenas verdade!


E à medida que ia despertando a minha consciência, ia descobrindo novos caminhos, novos trilhos, novas escolhas... Até no AMOR!


A minha ânsia de encontrar o verdadeiro amor era tanta, que escolhia em função do meu Ego e não da minha Alma... 

Sentia falta de amor, sempre senti! Privada desde sempre de ter amor de tias, tios, avós, primos... Num ambiente onde eu sentia, que podia existir tudo, menos amor! 

Fui crescendo...Segura de que um dia eu saberia o que realmente era o amor, aquele que eu procurava dentro da minha casa, e não encontrava! Então comecei a procurar fora dela... E ... Apaixonei-me! Acreditei cegamente que aquilo que sentia era amor... E era! Mas de volta recebi mentiras, traições, manipulação. Mas mesmo assim eu achava que era amor!

E nesta busca incessante de me sentir amada, cada vez era mais infeliz! Seria isso o amor? Aquela sensação de vazio que me fazia chorar, que me tornava oca por dentro? Aquele sentimento de tristeza absoluta... Seria Amor??


Eu vivia "morta". Sim, já estive morta!

Durante anos estive morta por dentro, sem forças para viver, sem alento, sem esperança, sobrevivendo a uma vida sem sabor, sem cor...Tudo isto porque fiz uma escolha! Escolhi fugir de um lar sem amor, para me encontrar no mesmo cenário de onde tinha fugido!


No fundo tudo o que faço ou fiz sempre teve um propósito... O AMOR!

Nessa altura estava tão focada em encontrar quem me amasse, que esqueci de amar a pessoa mais importante de todas!