Buscar
  • Sonia Cortez

Homossexualidade!


Olá, Hoje venho falar-vos de um tema, que para muita gente, é ainda um tabu, ou diria mesmo, inaceitável para algumas mentes retrógradas.  Infelizmente ainda existem pessoas que olham para a homossexualidade como um defeito genético, ou algo monstruoso que deveria ser eliminado. A essas pessoas de mente tão fechada, apenas pergunto: "Quem são vocês, para acharem que sabem o que é certo ou errado?Quem se acham ser, podendo julgar uma pessoa só porque tem preferências sexuais diferentes das vossas? " Existem muitas pessoas que nem se conhecem a si próprias, como podem achar que conhecem os outros. A sociedade está, graças a Deus, a mudar a sua maneira de ver a "diferença" e digo isto porque antes desta mudança, criou-se um "mecanismo" que ensinou ás pessoas que somente um homem e uma mulher se poderiam amar, o que é totalmente errado. O amor é algo sem limites, sem exclusão, sem preconceito... o amor é algo divinamente belo. Que importa se amamos uma pessoa do mesmo sexo? O importante é aceitarmo-nos como realmente somos, aceitar a nossa natureza, a nossa beleza interior. O que poderá ser mais perfeito, dentro da nossa imperfeição, que amarmo-nos por aquilo que realmente somos e não por algo que a sociedade impõe como sendo o "padrão social", o socialmente correcto. A não aceitação, resume-se à exclusão pessoal e social levando as pessoas a encarcerar-se dentro de si próprias, tornando-as revoltadas pela não aceitação dos outros e consequentemente de si mesma, levando-as ao limite das suas forças acabando muitas vezes a recorrerem a uma "salvação" completamente atroz, o suicídio. Digo atroz, porque o nosso dever é amar a vida e não acabar com ela. Nós acumulamos Karma de outras vidas e ao cometermos mais essa atrocidade, mais Karma iremos obter. E andaremos nesta roda viva até limparmos tudo. Espero sinceramente que quem quer que seja, que leia estas palavras, pense sinceramente, se valerá a pena acabarmos com algo que Deus nos dá com todo o carinho, a vida. Em cada ser que nasce é a prova viva de que Ele acredita em nós, confia e ama-nos profundamente. Se Ele não desistiu da humanidade, porque desistiremos nós de nós próprios? Aceitem a diferença, porque Deus é perfeito e sabe o que faz... Amem os outros como gostariam de ser amados... Até breve

0 visualização